Permanencia de la juventud en el entorno rural: más allá de la sucesión generacional tradicional

Resumen

Dois jovens permanecem no meio rural, diferentemente do modelo tradicional de sucessão geracional. Este artigo tem como objetivo validar as formas de permanência de dois jovens no meio rural, evidenciando as diferenças em termos de ano ou processo de sucessão geracional tradicional. Foram analisadas 53 entrevistas em diferentes municípios da região noroeste do Rio Grande do Sul. Para analisar dois resultados apontou para quatro formas diferentes de permanência: 1) Residência conjunta (mesma casa) em propriedade paterna com atividades agrícolas e não agrícolas; 2) Residência separada (mais as mesmas propriedades em dois países) com atividades agrícolas e propriedades dos pais; 3) Residência não urbana, comércios agrícolas com propriedades de dois países e 4) Residência com propriedade, junto com os países e com atividades urbanas.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.
Publicado
2021-06-30
Cómo citar
Spanevello, Rosani, Mariele Boscardin, Adriano Lago, Luana Duarte, y Sandro Moreira. 2021. Permanencia De La Juventud En El Entorno Rural: Más Allá De La Sucesión Generacional Tradicional. Eutopía. Revista De Desarrollo Económico Territorial, n.º 19 (junio), 119 -35. https://doi.org/10.17141/eutopia.19.2021.4897.